SNACKS SAUDÁVEIS

SNACKS SAUDÁVEIS

SNACKS SAUDÁVEIS

Com a chegada do verão, as férias e os fins de semana de praia estão à porta e com eles alguma alteração nas rotinas e também na alimentação! 

Durante as férias, inevitavelmente, a alimentação tende a sofrer mudanças – a alteração de horários, os dias de praia, a possível dificuldade ou falta de vontade para cozinhar, por parte dos pais, e a maior frequência de refeições feitas fora levam a isso. 

Durante as férias é normal surgirem mais vezes “extras” como a bola de berlim ou o geladinho, mais refeições “rápidas” à base de sandes ou wraps e até mais refeições fora – o que para as crianças muitas vezes significa “bife ou hamburger com batatas fritas!”.

Claro que faz parte sair um pouco das rotinas e saber flexibilizar a alimentação nestas situações, contudo com alguns cuidados e ajustes, isto não implica perder qualidade, nem fazer uma alimentação menos nutritiva ao longo de todo o verão! 

 

Então o que fazer? 

A melhor maneira de evitar os excessos recorrentes é adotar o hábito de levar uma lancheirinha para a praia com snacks saudáveis, nutritivos e hidratantes, para toda a família! 

Desta forma vamos evitar que as crianças fiquem longos períodos sem comer e vamos ter um controlo muito mais positivo nas escolhas alimentares nos dias de praia!

 

Alternativas práticas e saudáveis para levar na lancheira nos dias de praia

 

- Frutas frescas variadas

Aposte nas frutas de verão!

Seja melão, melancia, pêssego, uvas… todas as opções são válidas!

Além de ricas em vitaminas e minerais, a fruta vai ainda contribuir para a hidratação, tão necessária nos dias quentes de verão!

 

- Purés de fruta 

A fruta ao natural deve ser sempre a opção preferencial, mas como alternativa ou complemento os purés de fruta também são uma opção prática e saudável (tendo o cuidado de escolher sempre as versões sem adição de açúcar).

As crianças adoram e adapta-se a todas as idades.

 

- Ovos cozidos 

Rico em proteína e muito fácil de transportar, os ovos cozidos são uma excelente opção de lanche.

Nos dias de praia, por vezes a carne ou o peixe podem estar menos presentes, por isso incluir os ovos nos snack ou como complemento de um almoço de praia é uma ótima forma de garantir a dose recomendada de proteína.

 

- Mini queijinhos 

Podem ser comidos simples, a acompanhar a fruta ou até umas bolachas de água e sal. São uma forma divertida e prática de incluir os lácteos nos dias de praia.

 

- Palitos de legumes como cenoura, pepino ou até pimento e tomate cherry 

Por vezes temos a ideia de que as crianças não comem legumes fora da sopa ou do prato, mas experimente começar a incluir os palitos de legumes e/ou o tomate cherry nos lancinhos de praia e vai surpreender-se!

Tal como a fruta, são uma opção muito rica em vitaminas e minerais, e contribuem igualmente para a hidratação!

 

- Sandes ou wraps 

 

Sempre que possível opte por pão ou wrap integral e procure incluir uma fonte de proteína e algum legume!

Boas opções são pasta de atum ou de frango caseiras (feitas com queijo cottage ou quark), ovo cozido, peito de peru ou frango, queijo mozarela com alface, cenoura e/ou tomate!

 

- Pacotinhos de mini tortitas de milho 

Em vez de snacks fritos e salgados como chips e batatas fritas, opte por pacotinhos de mini tortitas de milho!

As crianças adoram e são uma opção incomparavelmente mais saudável!

 

- Iogurtes 

 

Desde que bem refrigerado, o iogurte é uma opção válida para levar para a praia! Sejam sólidos ou líquidos, além de práticos, são snacks nutritivos e saudáveis!

 

 

- Água! 

Para além dos snacks, nunca esquecer a água!

Fundamental ir lembrando as crianças de beber água ao longo do dia!

Lembre-se! 

Faça dos snacks de praia saudáveis um hábito dos filhos, mas também dos pais! 

Aquilo que as crianças nos veem comer, é o que vão desejar!

Por isso fazer dos lanches saudáveis, um cuidado de toda a família é o mais importante e todos saem a ganhar!

 

Artigo by Mariana Abecasis nutricionista

 

Deixe um comentário

* Necessário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados